STARTUPS e COMPLIANCE – parte 5

Passamos pelos pontos principais de um programa de integridade ou de compliance. Agora, vamos apresentar alguns sintomas de que a empresa pode estar sofrendo com falta de compliance em seus processos:

Riscos junto a órgão públicos e políticos:

Falta de regras no tratamento com órgãos públicos;

Pagamentos de propinas, trocas de favores e vantagens para agentes públicos;

Participação fraudulenta em licitações;

Manipulação de decisões judiciais;

Doações ilegais para partidos ou políticos;

Empréstimos, doações;

Nepotismo

Riscos de conformidade de normas:

Não conformidades propositais;

Não cumprimento de normas técnicas;

Faltam licenças e alvarás de funcionamento;

Riscos contábeis e financeiros:

Não pagamento de impostos, taxas, etc.

Caixa 2;

Falta ou parcialidade nas informações contábeis;

Desconhecimento da legislação, não aproveitando todas as oportunidades que gerem facilidades, isenção de impostos, redução de alíquotas, desoneração fiscal, economia ou outras que lhe ajudem a empreender;

Não tem um orçamento;

Falta de controle de custos;

Dissonância de estoques (físico x real x valor);

Inventário físico inexistente;

Riscos de relacionamento comercial:

Falta transparência ao se relacionar com o cliente (vale tudo?);

Falta de contratos ou com falhas (com clientes, fornecedores, aluguéis, etc.);

Comprar de empresas que cometem irregularidades: trabalho escravo, informalidade, exploração, etc.;

Falta de clareza nos processos de compras;

Falta de avaliação nos fornecedores;

Recebimentos ou entrega de “presentes exagerados” – “ciclo da dádiva” ; “Me ajuda que eu te ajudo”;

Reclamação sobre serviços/produtos entregues ainda na garantia;

Recorrência de problemas;

Falta de padronização ou falta de processos.

Riscos de relacionamento com funcionários:

Falta de regras; os funcionários não sabem o que fazer;

Troca frequente de funcionários (rotatividade);

Falta de organograma, descrição de cargos, avaliação de desempenho;

Banco de horas ilegal, acordo coletivo não cumprido, uso incorreto dos meios punitivos, não observação da legislação trabalhista;

Conflito de interesse (trabalhar para fornecedor, cliente ou competir com a empresa),

Participação societária em fornecedores ou concorrentes;

Falta de meritocracia;

Preconceito;

Assédio moral e/ou sexual;

Discriminação;

Exploração de estagiários, etc.

Riscos na área de Informática:

Vazamento de informações;

Uso indevido de recursos da empresa incluindo equipamentos de informática (computadores, notebooks, redes, impressoras, etc.), ferramentas de trabalho, veículos, sistemas, etc.;

Falta de controle no acesso aos e-mails da empresa e à mídia social;

Promoção de artigos ou serviços que não são relacionados aos negócios da empresa;

Falta de privacidade e segurança dos dados de funcionários, clientes, fornecedores, parceiros de negócio;

Falta de registro de acesso à rede (não observância do Marco Civil da Internet);

Pornografia, vírus, tentativas de invasão, etc.

A corrupção não existe sem pessoas, sejam elas corruptas ou corruptoras.



3 visualizações

BEFORCE

BESPECIALIST

BECLIENT

BECONTACTED

Desenvolvido por BEFORCE - inteligência, treinamentos e estratégias digitais | Todos os direitos reservados